Perfil

Vida Extra

Treinos tecnológicos

O mundo do bem-estar está em revolução. Há ginásios a apostar em circuitos controlados por software, treinos com eletroestimulação e até serviços de desporto por subscrição

João Miguel Salvador

João Miguel Salvador

texto

Jornalista

Circle — Augmented Wellness

A tecnologia mudou a relação de cada um com o que o rodeia. E era apenas uma questão de tempo até que a revolução chegasse ao exercício físico. Depois de transformar a maior parte dos serviços, está agora a entrar em força no mundo do desporto e do bem-estar. Por exemplo, já existem dois sistemas de desporto por subscrição através de uma aplicação móvel — que dão acesso a atividades em vários locais mediante uma assinatura mensal — , mas a verdade é que a nova realidade ainda não se generalizou. Os ginásios com máquinas estáticas, que potenciam exercícios repetitivos, começam a perder terreno para novos conceitos que unem corpo e mente, mas ainda reinam no país em que desporto é quase sinónimo de futebol (a partir da bancada).

Em Portugal são poucos os espaços inovadores capazes de fugir à receita de clubes de fitness tradicionais, mas a tendência é clara. Haverá uma oferta cada vez mais diversificada, em que os ginásios boutique, pequenos e especializados em determinada metodologia de treino, vão popularizar-se. É o que está a acontecer em cidades como Londres, Tóquio ou Nova Iorque, onde se multiplicam os adeptos de novas modalidades. De preferência em espaços que privilegiem o design e proporcionem serviços de luxo próximos aos de um hotel.

Para ler o artigo na íntegra clique AQUI