Perfil

Vida Extra

Prémio Terre de Femmes tem 18 mil euros para mulheres com projetos sustentáveis

As candidaturas para a 11.ª edição estão abertas até 30 de setembro. O concurso distingue, anualmente, projetos ecológicos assinados por mulheres

Getty Images

São já mais de 118 mil euros, canalizados para 25 projetos , desde 2009. Há uma década era lançado, em Portugal, o Prémio Terre de Femmes, promovido pela Fundação Yves Rocher e pensado para distinguir, todos os anos, mulheres com projetos ecologicamente sustentáveis. As candidaturas estão abertas até 30 de setembro e a ideia vencedora da 11.ª edição tem à sua espera um valor de 10 mil euros. A segunda colocada vai receber um financiamento de 5 mil euros, enquanto a terceira será agraciada com €3000.

“Numa altura em que as questões ambientais são colocadas todos os dias em cima da mesa, queremos voltar a apoiar projetos de mulheres que fazem a diferença no nosso planeta. Esta é uma causa de todos e consideramos que temos a responsabilidade e, até mesmo, a obrigação de apoiar iniciativas que procurem reduzir a nossa pegada ecológica”, afirma Ana Ribeiro, porta-voz da Fundação Yves Rocher em Portugal.

O Prémio Terre de Femmes tem também, acrescenta Ana Ribeiro, o propósito de “reforçar a liderança e contribuir para a autonomização das mulheres, dando visibilidade e apoiando projetos de eco-empreendedoras que trabalham todos os dias para uma pegada cada vez mais positiva”.

A vencedora, que irá suceder a Eunice Maia, fica ainda habilitada a concorrer ao Grande Prémio Internacional do Terres de Femmes, juntamente com mulheres de vários outros países.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.