Perfil

Vida Extra

Os dias da gente que embala o berço

O período da licença parental é uma fase crucial tanto para os pais como para os bebés. Mas será que é respeitada? Qual é o tempo certo e necessário para ver crescer o pequeno amor maior?

Filip Mroz / Unsplash

“Felicidade máxima”. A boa-nova chegou trazida e partilhada nas redes sociais, numa quinta-feira, dia 27 de dezembro de 2018. Assim nasceu o fruto de uma estrela, no Hospital da Luz, através de parto natural. “Lonô, o nosso filho. Deus da música e da paz. Agora dançamos todos ao som da tua vida”, escreveu Rita Pereira, no mesmo post onde a artista de 36 anos aparece, ainda em recobro, na maternidade, com o bebé nos braços, ao lado do namorado Guillaume Lalung. A história já seria suficiente para colorir capas e preencher manchetes de inúmeras revistas, mas a celebridade acabaria por alimentar ainda mais o apetite do escrutínio.

Tudo é possível no mundo da televisão e, dez dias depois, a 6 de janeiro, os portugueses assistiram ao regresso da atriz ao pequeno ecrã, ao vivo e a cores, no programa “Dança Com as Estrelas”. Rita Pereira apresentou-se numa forma física impressionante e, em palco, deu baile ao descanso necessário no período pós-parto, tudo “porque o público merece” a força de vontade. O quadro parece pintado de cor de rosa, tal como é comum no ambiente feérico da “caixa mágica”, mas é nos bastidores da fama, longe dos holofotes e da fantasia, que o guião da realidade pode ser lido em linhas tortas.

Para ler o artigo na íntegra, clique AQUI.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.

A carregar...