Perfil

Vida Extra

Está escolhido o Destino Europeu do Ano. Braga fica à beira da vitória

A cidade dos arcebispos ficou em segundo lugar do concurso, com quase 60 mil votos

Dan Novac / Unsplash

Foi por pouco, por muito pouco. Braga ficou em segundo lugar no concurso para Destino Europeu do Ano, organizado pela European Consumers Choice (ECC), organização com sede em Bruxelas que se dedica a “avaliar produtos e serviços”. Conquistou 59,092 votos, não muito longe da cidade vencedora, Budapeste, capital da Hungria, que bateu a meta dos 62 mil. No top 5 ficaram ainda a italiana Monte Isola, com 56,024 votos, a francesa Metz, com 52,569, e a polaca Poznan (43,057 votos). Florença, Paris, Berlim ou Londres, metrópoles com enormes quantidades de visitantes, ficaram no final da lista de 20 nomeadas.

Não é a primeira vez que as grandes capitais da Europa são ultrapassadas por cidades aparentemente menos atrativas, mas ainda nenhuma chegou perto do Porto. Foi no ano passado, correspondente a 2017, que a cidade invicta se tornou Destino Europeu do Ano com perto de 138 mil votos, recorde absoluto no concurso. O Porto acumula essa com outra marca de respeito: ganhou o prémio por três vezes, em 2012, 2014 e no ano do recorde. A história de Portugal no concurso lembra, mais uma vez, o potencial turístico do país, já que Lisboa também figura na lista de vencedores. Foi logo no ano da estreia, 2010. Desta vez, não houve vencedor português, mas a distância foi curta.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.