Perfil

Vida Extra

A frescura dos 40. Exercício físico tem benefícios de adolescente para pessoas de meia-idade

Nunca é tarde para começar, até porque as vantagens para um praticante de meia-idade são semelhantes às verificadas num adolescente

Getty

A prática de exercício físico entre os 40 e 50 anos emagrece o risco de morte prematura. A conclusão é de um grupo de investigadores norte-americanos do National Cancer Institute, responsável por um estudo que demonstra igualmente que os benefícios para a saúde não diminuem no caso de praticantes de meia-idade.

Os resultados da investigação indicam que mulheres e homens, com idades compreendidas entre os 40 e os 61 anos, que passaram a dedicar sete horas semanais à prática de exercício lograram reduzir 35% a probabilidade de morte prematura, taxa semelhante à registada em adolescentes e indivíduos acima dos 20 anos.

“Se não é uma pessoa ativa e só aos 40 ou 50 anos decide começar a exercitar o corpo, pode ainda usufruir de muitas vantagens”, assevera Pedro Saint-Maurice, coordenador do trabalho de pesquisa, publicado no jornal “Jama Network Open”. “Se mantivermos um modo de vida ativo ou praticarmos qualquer tipo de exercício físico durante esse período, é possível reduzir o risco de mortalidade”, acrescenta o responsável científico, para quem “nunca é tarde para começar”.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.