Perfil

Vida Extra

Em Lisboa, sê romano. Restaurante de comida italiana é destaque no menu do Financial Times

O Fiammetta, em Campo de Ourique, tem como prato forte a gastronomia italiana e surge em destaque na secção especializada “How to Spend It”

Jelena Jovanovic / EyeEm

Em Lisboa, sê romano.“Eu amo a gastronomia portuguesa, não me interpretem mal, mas a italiana… Bem, é a Italiana”. Assim começa por escrever Mary Lussiana, num artigo de opinião publicado no website “How to Spend It”, a secção de lazer do Financial Times (FT). A jornalista de viagens e crítica gastronómica portuguesa deixou-se render ao elegante” e “bem abastecido” restaurante Fiammetta. “Duvido que encontre uma melhor refeição italiana em qualquer lugar de Portugal”, atira.

O templo, recentemente expandido e de portas abertas desde 2017, em Campo de Ourique, por obra e graça da proprietária Ludovica Rocchi, mereceu o destaque da cronista do FT pela ampla gama de queijos italianos e presunto”.

Habituada a estas andanças há mais de 20 anos, a autora lisboeta que colabora com várias publicações, ficou “encantada” quando descobriu, recentemente, esta “jóia” na cidade natal, abrilhantada por uma “impressionante e criteriosa seleção de ingredientes”.

O estabelecimento — onde também cabe uma mercearia — fez as delícias da especialista pela “autêntica ‘pasta’ italiana’, como o ravioli (18€)” com lombinhos de porco, trufas, ricota fresca e queijo pecorino. A jornalista não resistiu a provar igualmente o gnocchi com caranguejo e camarão. “Ambos celestiais”, assegura. Para uma próxima visita, deixa a promessa de se saciar com a “excelente” carbonara.

A responsável pelo estabelecimento, escreve Mary Lussiana, serve à mesa “os conhecimentos culinários que, enquanto crescia, absorveu da mãe e também do avô, que abandonou a Toscana para abrir o Fiammetta original em Roma, na década de 1940”.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.