Perfil

Vida Extra

Porto. Onda Bienal inunda a Casa do Vinho Verde com arte

A primeira exposição coletiva do projeto Onda Bienal 2020 reúne 32 obras de artistas conceituados na Casa do Vinho Verde. A mostra pode ser vista entre esta sexta-feira e 11 de abril

D.R.

A Onda Bienal 2020 — projeto associado à Bienal Internacional de Arte de Gaia — atravessa o Douro para inundar, entre esta sexta-feira e 11 de abril, a Casa do Vinho Verde, no Porto, com uma exposição coletiva composta por 32 obras de conceituados criadores.

A mostra, comissariada por Agostinho Santos, desvela ao público trabalhos de artistas tão variados como António Bessa, Cabral Pinto, Carmo Diogo, Dina Dias, Diogo Goes, Eduarda Castro, Fernanda Araújo, Fernanda Santos, Filipe Rodrigues, Filomena Fonseca, Florentina Resende, Franchini, Gérard Mola, Helena Fortunato, Helena Leão, Humberto Nélson, Júlio Roldão, Luísa Prior, Maria Afonso, Nazaré Álvares, Norberto Jorge, Pedro Mesquita, Ricardo de Campos, Rui Alexandre, Rui Costa, Rui da Graça, Rui Ferro, Sérgio Reis, Sobral Centeno, Susana Bravo, Tony Fausto e ainda Zulmiro de Carvalho.

A Onda Bienal, organizada pela cooperativa Artistas de Gaia, “cumpre o objetivo de dinamizar diferentes espaços culturais em várias cidades do país, no Brasil e em Espanha”, refere a associação em comunicado.