Perfil

Vida Extra

Porto recebe 70 jovens pianistas de todo o mundo. E estão prontos para uma maratona de 24 horas

O Concurso Internacional Santa Cecília, a decorrer até domingo, junta jovens talentos de 28 países na Casa da Música

D.R.

Eles são jovens e chegam da China, Japão, Estados Unidos, Brasil, Israel ou Coreia do Sul, num total de 28 nacionalidades. Estão atracados no Porto, até domingo, para o Concurso Internacional Santa Cecília. A competição conta com 70 pianistas — com participantes entre os 5 e os 32 anos, onde Portugal está também representado por alguns dos seus talentos, que durante esta semana prestam provas.

A Sala Suggia, na Casa da Música, abre-se no domingo para a grande final, onde os três melhores pianistas vão ser acompanhados pela Orquestra Filarmónica Portuguesa, num espetáculo aberto ao público em geral.

O evento está dividido em duas categorias — Principal e Juniores —, com prémios de 8 mil e 1000 euros para os vencedores, respetivamente.

A 21.ª edição do certame, organizado pelo Curso de Música Silva Monteiro, traz uma novidade: a “Maratona de Piano”, realizada esta sexta-feira e sábado, entre as 12h e as 24h, onde os jovens pianistas vão deixar a música correr na Reitoria da Universidade do Porto.

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.

  • Filme francês evoca caso de pedofilia
    10:54

    "Graças a Deus" evoca um caso de pedofilia que abalou a sociedade francesa, tendo como protagonista um sacerdote católico — com realização de François Ozon, é a principal estreia da semana. João Lopes comenta ainda o lançamento de "Coração Negro", de Rosa Coutinho Cabral; no DVD, surge em destaque a edição de um conjunto de curtas-metragens assinadas por Fernando Lopes.

  • "Só Chove e é Rápido" no Teatro do Bairro
    5:50

    No dia em que os agentes culturais decidiram sair à rua em protesto contra o modelo de apoios do Estado para a cultura estreia um espetáculo feito sem financiamento do Ministério da Cultura. Com texto, encenação e interpretação de Francisco Tavares, "Só Chove e é Rápido" pode ver-se no Teatro do Bairro, em Lisboa. Francisco Tavares foi o convidado do Cartaz.