Perfil

Vida Extra

“Rezem por mim!” Justin Bieber pede auxílio aos fãs na luta contra a depressão

O cantor de 25 anos confessa-se “super desconectado e estranho”, na “época mais humana que já enfrentou” na vida

Getty

Foi na luminosidade da adolescência, há precisamente uma década, que Justin Bieber se tornou num astro, posicionado no centro do universo da música pop, com milhões de seguidores por todo o mundo a gravitar em torno da sua música, mas, aos 25 anos, longe dos holofotes, o artista luta para não ser sugado pelo buraco negro da depressão.

O cantor de “Love Yourself” assumiu, através das redes sociais, estar a “lutar imenso”, numa fase em que se sente “super desconectado e estranho”. O jovem canadiano lança - no mesmo post, publicado este domingo na conta de Instagram - um pedido de ajuda aos fãs: “Rezem por mim”.

Instagram

O ídolo juvenil decidiu tornar público o estado de saúde mental que o assola, na “época mais humana que já enfrentou”, garantindo estar a encarar “os problemas de frente”.

Depois de em 2017 ter cancelado a digressão mundial para promover o álbum “Purpose”, Bieber continua a lutar contra os fantasmas interiores, tentando enterrar o vício em substâncias aditivas, como o Xanax.

Getty

Dados da Organização Mundial de Saúde apontam que 300 milhões de pessoas em todo o mundo podem sofrer de depressão, doença que cresceu 18% nos últimos dez anos.

O profundo vácuo existencial provocado pela enfermidade mental já retirou mortalmente o brilho a várias estrelas da galáxia musical, como os exemplos mais recentes de Chris Cornell (Soundgarden e Audioslave) e Chester Bennington (Linkin Park e Stone Temple Pilots).

Siga Vida Extra no Facebook e no Instagram.